Estão encontradas as 4 melhores equipas, mais um fim de semana cheio de jogos e onde não faltou animação e basquetebol de excelência. Por isso esta semana vamos falar destes 6 jogos de alto nível que marcaram o basquetebol deste fim de semana.

 

Vitória SC 79 – 66 GDESSA

https://twitter.com/fpbasquetebol/status/1380922049456185345?s=20

Triunfo para o Vitória SC no Pavilhão Unidade Vimaranense. O GDESSA começou muito bem, a equipa entrou melhor em busca de forçar o terceiro jogo, como em tantos jogos, a equipa de Miguel Minhava começou com tudo, venceram o primeiro quarto. Jennifer Nonato e Maianca entraram a dominar nos ressaltos, a equipa do Barreiro entrou com um parcial de 0-5, Márcia sempre em grande e com o GDESSA a conseguir mostrar o seu jogo, a força do jogo interior e a Nonato sempre em destaque. Depois o Vitória foi reagindo, Sara Ressurreição começou a aparece e a tomar conta do jogo do Vitória. O jogo foi equilibrando e o Vitória conseguiu mesmo empatar e vencer este primeiro quarto. No segundo as vimaranenses já conseguiram “fugir”, foram superiores e a prova disso o parcial de 21-4, Bárbara Sousa ajudou a mudar o jogo. No terceiro o equilíbrio voltou, a equipa do GDESSA voltou a subir de rendimento e no último período acabaram mesmo por vencer. O jogo animou, acabou com uma grande disputa e com o GDESSA quase a forçar o terceiro jogo. Fica uma excelente época do GDESSA, várias jogadoras que brilharam muito e claro que o destaque acabou por ser a Márcia Costa, mais uma época em que a Márcia encantou todos os adeptos. Já o Vitória dá mais um passo numa época em que a equipa de Rui Costa, surpreendeu muito e em que foi muito regular.

 

SL Benfica 93 – 78 AD Vagos

https://twitter.com/fpbasquetebol/status/1381006777416843266?s=20

No Pavilhão Fidelidade o SL Benfica voltou a vencer o AD Vagos e fez aquilo que ainda não tinham conseguido fazer, vencer o Vagos duas vezes na mesma época, mais uma prova do ótimo trabalho de Eugênio Rodrigues. O jogo começou com as encarnadas a controlar, uma superioridade evidenciada no primeiro quarto, mas sempre com as aveirenses em cima e a mostrar que não ia deixar de dar luta. Um primeiro período com muitos pontos, muito animado, mais uma vez foi proporcionado um bom espetáculo de basquetebol. Depois no terceiro e quarto período, o que falava, o Vagos já tinha mostrado que ia dar luta e acabaram mesmo por empatar. Jogo como todos os anteriores entre estas duas equipas, a ser muito bom. O Vagos já pode contar com a Maria Blazejewski, já não sentiram tantos problemas no jogo interior, mas o Benfica com a Altia e Japoniva em dia sim, fica muito mais difícil. Neste jogo a grande figura foi a Joana Soeiro, é preciso destacar muito a Joana, foi um grande jogo que ela fez e realmente é uma jogadora que está numa forma incrível. Dentro das jogadoras em destaque neste jogo é preciso falar  da Laura Ferreira, ainda a Chelsie Schweers que como sempre jogou muito bem, é aquela jogadora que sempre joga bem. No Vagos, a Chelsie é uma das maiores figuras da Liga Skoiy e por isso a época dela é sem dúvida uma das que merece mais destaque, mas a Joana Canastra e a Susana Carvalheira são duas jogadoras que com o fim de época do Vagos têm que ser muito faladas, a Joana fez uma das suas melhores épocas e a Susana afirmou-se como uma das melhores postes nacionais, com o seu jogo cada vez mais consolidado. Uma boa época do Vagos, conseguiram mesmo com algumas dificuldades mostrar um bom basquetebol e dificultaram sempre a vida às equipas que ficaram na sua frente.

 

União Sportiva – Guifões SC

No sábado o Guifões venceu por 68-73 e mostrou o porquê de ser uma equipa perigosa e o porquê de o Sportiva não poder adormecer. Foi um dos melhores jogos de basquetebol do fim de semana, emoção até aos segundos finais. Raquel Laneiro ainda não jogou neste sábado, ficou a recuperar para o jogo de domingo, mas essa ausência como anteriormente criou problemas no Sportiva. Neste jogo foi o jogo interior do Guifões a fazer a diferença, mais uma vez esse foi o ponto que ajudou muito a que o Guifões vencesse. Aliyah Mazyck e Nausia Woolfolk assumiram o jogo do Sportiva, conseguiram 43 dos 68 pontos. Um jogo que foi a prolongamento onde o Guifões voltou a ser mais forte. Muito disputado este jogo de sábado que criou ainda mais expetativas para o jogo de domingo. Tylinn Carter foi a maior protagonista desta partida. No dia seguinte, uma vitória do Sportiva por 62-45. Neste jogo voltámos a ter o melhor União Sportiva, uma intensidade insana, um Sportiva que pouco errou e que conseguiu voltar a colocar o seu melhor basquetebol em quadra. Raquel Laneiro voltou a jogar, mesmo ainda condicionada voltou a mostrar o porquê de ser uma das melhores jogadoras da Liga e o porquê de eu a elogiar tanto. As melhorias foram principalmente defensivas, onde o jogo interior do Guifões acabou por não resultar tanto. A equipa do Guifões melhorou na segunda-parte, melhores na luta das tabelas e mostrou mais da sua qualidade, mas o Sportiva esteve sempre muito bem e controlaram tudo. Gabriela Guimarães brilhou com 20 ressaltos, uma jogadora que dominou a luta nos garrafões, Raquel Laneiro condicionada conseguiu 11 pontos, 6 ressaltos, 3 assistências e 1 roubo de bola, mas é sempre daquelas jogadoras que o boxscore não reflete a importância que ela tem no jogo. No Guifões neste jogo, volto a destacar a Filipa Barros, mais uma vez jogou e fez jogar. Terminou a época do Guifões, mas merecem todos os aplausos, a equipa de Pedro Dias brilhou muito nesta Liga Skoiy, uma equipa que foi além do que muitos anteviam no inicio de época. Taneka Rubin, Tylinn Carter e Myriam Ackerman renderam muito, jogadoras que se revelaram muito preponderantes, Tylinn foi mesmo uma das melhores da fase regular. Tylinn e Myriam fundamentais no jogo interior do Guifões, mas o grande destaque é a Filipa Barros, apenas 17 anos e um talento brutal, foi uma das melhores jogadoras desta edição da Liga Skoiy.

Quinta dos Lombos – CAB Madeira

No sábado o CAB venceu por 84-65, notou-se claramente que as madeirenses queriam mostrar mais e deixar uma outra imagem e então entraram com tudo. Ficou provado o que eu tinha dito na semana passada, o CAB queria mostrar mais e sendo uma equipa tão boa, normal que tenham conseguido criar tantos problemas aos Lombos. O parcial de 30-19 indica essa superioridade, ao intervalo o resultado estava em 51-33. Uma grande luta, o jogo foi sempre bom, sempre animado, mas realmente o CAB foi muito melhor neste jogo. Os Lombos ainda reduziram, mas o CAB foi sempre melhor e acabou por vencer. Como em quase todos os jogos, Nike, Paige e Jelena voltaram a ser as estrelas belo jogo deste trio. Neste sábado a Carolina Cruz já deu um vislumbre do que ia fazer no dia seguinte, mas foi a Ndioma Kane que mais se destacou, mais uma jogadora que teve uma grande evolução nesta época. No domingo a Quinta dos Lombos venceu por 74-61. Um jogo que começou muito equilibrado, uma grande luta e uma grande disputa, acabou por ser o jogo que se esperava desde o primeiro entre estas duas equipas. Uma primeira parte equilibrada e uma segunda em que os Lombos foram melhores, ligeiro ascendente que revelaram a força dos Lombos, porque o CAB jogou muito bem. Neste jogo a grande figura foi a Raphaella Monteiro, foram 19 pontos, 5 ressaltos, 2 assistências e 5 roubos de bola, como eu disse Carolina Cruz brilhou, já tinha estado em ótimo plano no sábado e neste domingo foi uma das maiores figuras deste jogo. No lado do CAB neste jogo foi a Nike que assumiu um grande protagonismo, mas além dela a jogadora que mais destaco é a Laura Silva, que voltou a entrar muito bem e a mostrar muita da sua qualidade. O CAB acaba por terminar aqui a época, muitos problemas, mas sempre uma das equipas que foi mostrando melhor basquetebol, uma equipa que além da Paige Cannon, da Nike Mcclure e da Jelena Nikpaljevic, que foram das melhores jogadoras da Liga Skoiy, que se foram destacando sempre muito, teve ainda a Carolina Bernardeco, uma jogadora que foi, mais uma vez uma das estrelas da liga, isto porque o jogo passa todo por ela. Fátima Sila sem tantas opções conseguiu fazer um trabalho muito bom.

 

Os próximos duelos estão definidos e vão ser grandes jogos, podemos já todos guardar as datas porque vão ser jogos que ninguém vai poder perder.

https://twitter.com/fpbasquetebol/status/1381676159843377154?s=20

A espetacularidade que eu falava no outro texto tem sido possível de observar a cada um dos jogos, intensidade e alto nível em grandes jogos de basquetebol com jogadoras que espalham magia a cada jogo. A Liga Skoiy mais uma vez a mostrar que merece mais atenção, porque os jogos como se tem visto superam as expetativas sempre.