Domingo (dia 18), antes do jogo do futebol feminino iniciar, vi 3 atletas serem homenageadas pelos seus 100 jogos pelo Sporting Clube de Portugal. E pensei:
Gostantooooo!!

Era inevitável não escrever sobre estas Atletas.

Quando uma atleta chega aos 100 jogos no Clube, o que mais pensamos?
Sim, é amor ao que se faz, é sentir-se bem nesta casa. É o nosso Clube, é a nossa casa!

“O mundo sabe que pelo teu amor eu sou doente” … tenho a certeza de que as nossas Leoas sabem a música de cor e por este amor (também) são doentes!!

 

Ana Catarina Marques Borges, mais conhecida por Ana Borges, “a poliglota” da equipa. Natural de Gouveia, 30 anos, internacional portuguesa, acrescento ainda o adjetivo ‘polivalente’. Atua como extremo direita no Sporting Clube de Portugal, enquanto a representar as Quinas já tem tido uma tarefa mais defensiva como lateral. Dotada de uma forte personalidade, lidera as companheiras pela sua experiência, mas é muito humilde.

Saiu de casa cedo para seguir os seus sonhos: Jogou em Espanha, nos EUA, em Inglaterra e ganhou muitos títulos. Chegou à sua casa em 2016 vinda do Chelsea e cá conquista os adeptos do nosso Sporting com a sua classe, simpatia e dedicação. Uma atleta resistente, competente tecnicamente, forte tacticamente, mas é na velocidade e na garra que se mais se destaca. É Leoa!!!

Golos? Marcar e assistir é com a Ana. A Borges é Sporting…
A nossa Borges é VIDA!

 

 

 

Joana Filipa Gaspar da Silva Marchão, natural de Abrantes, 24 anos de idade, internacional por Portugal e o seu amor ao Sporting é incondicional. Conhecida como miúda que só queria jogar futebol; desde criança que jogou com rapazes e assim foi fazendo o seu caminho. Pertence a uma família de futebolistas, à semelhança do pai e do irmão.

Está-lhes no sangue!

Um dos seus principais sonhos era jogar e representar o Sporting Clube de Portugal, algo que conseguiu em 2016… sim, está connosco desde essa altura e sente da raça!!

Marchão, lateral esquerda, prima pela determinação, uma jogadora cada vez mais completa, que demonstra sempre muita garra em campo e transmite muita confiança junto da equipa
A Joana é família… é ADN Sporting!! Leoa Marchão.

 

Ana Inês Palma Capeta, nascida em Aljustrel – Beja, com 23 anos, Internacional Portuguesa, já foi considerada jogadora revelação das Quinas. O seu pé direito é sem dúvida o seu maior aliado.
O pai também jogava futebol e foi aí que tomou o gosto pelo jogo.
Está no seu clube do coração, o Sporting, claro, desde 2016, desde o início do projeto. Superou desafios e mais desafios, e apesar das lesões, nunca desistiu de lutar.
Ana Capeta gosta de ter minutos e jogar bem. É uma avançada veloz, incrível na forma como trabalha para a equipa, sabe criar espaços, e marcar golos… golos é com ela, que diga o #EfeitoCapeta.
Ai… A Capeta é Amor!! A Ana é nossa, a nossa Leoa.

O Sporting tem outras atletas centenárias, mas são estas as que foram homenageadas em Abril de 2021.

Como não amar as nossas miúdas? Longe de casa, arriscam, lutam, e superam-se com garra no seu dia a dia. Isto é ser SPORTING!
É ter ambição, esforço, dedicação devoção e glória!!
Parabéns pelos 100 jogos de Leão ao peito. Parabéns, Leoas!

Ai Gostantooooo !!